Evento de Varejo NRF 2020 e Tudo pra Foto

postado em: Artigos | 0

Em 2019 a Tudo pra Foto recebeu o prêmio #ClienteNaVeia pelo atendimento excepcional aos seus clientes pela Magazine Luiza. E em parceria com a SEBRAE, recebemos a oportunidade de comparecer ao NRF 2020.

A NRF nada mais é do que a maior feira global de varejo. É realizado um evento anualmente em Nova York para apresentar novidades e tendências do mundo dos varejos.

NRF

 

Tendências no varejo em 2020

Foi apresentada por meio de várias palestras realizadas pelos CEOs e lideres das maiores empresas de varejo do mundo como poderiam aumentar sua produtividade como um todo. E a partir disso fazer ainda mais o uso de analytics se tornou uma ótima alternativa.

Entender o que o cliente realmente procura em sua experiência de compra. E com o analytics e analise de dados podemos fazer isso de forma eficiente e certeira. Nã só isso, podemos também melhorar o sistema do estoque e das lojas físicas.

 

nrf 2020

A humanização do atendimento ao cliente, presencial ou não, foi um tema muito comentado. Um dos aspectos mais importantes para garantir a fidelidade do cliente e também atrair novos.

Outro projeto apresentado foi um sistema que evita o surgimento de novas propagandas de produtos de concorrentes. O que torna a perca de um cliente muito menor, já que uma das grandes razões de um cliente mudar de idéia em relação a uma compra depois de acessar um site são as propagandas de produto similar que aparecem.

NRF

O uso da inteligência artificial bem tomando cada vez mais espaço. Podemos perceber, como foi mostrado na NRF, que o cliente quer agilidade e comodidade da compra online na loja física. O que com a cada vez maior automatização dos serviços da loja vem ficando mais perto.

A junção da experiência virtual com a física também foi uma tema abordado. Formas de tornar a experiência do cliente mais perto de como ele quer, utilizar sites e atendimento pessoal de uma loja física em conjunto

Compartilhar

4° Concurso Fotográfico Tudo pra Foto

postado em: Artigos | 0

Faltando poucos dias opara o fim de janeiro temos pela quarta vez nosso famoso Concurso Fotográfico! Cada ano nessa mesma época realizamos um concurso de fotografias, em que você nos envia uma foto de acordo com o tema selecionado e concorre a um prêmio incrível! Acesse esse link para o regulamento.

concurso fotografico

 

Nosso concurso fotográfico visa não só premiar a melhor fotografia como também divulgar o trabalho dos fotografos. Já que desde a segunda fase em que a equipe Tudo pra Foto selecionamos 6 fotografias que serão votadas no instagram. Então chegamos em 3 finalistas que disputaram o 1° lugar.

Em nosso 3° Concurso Fotográfico o tema foi Diversidade Cultural Brasileira. Abaixo você pode conferir as fotos do vencedor e de nossos outros finalistas:

56786369_427661574705102_1623282735109551680_n

 

54512741_568639980320992_5045561513649999638_n

 

53584793_2389412417758344_1041178177553851284_n

 

53173218_254813102139749_5719225841870176061_n

 

52650711_2349546925067281_7877520931269613425_n

 

52188248_2057053304591205_2140433103858047060_n

Compartilhar

Luisa Dörr: a foto não se define pelo equipamento

postado em: Artigos | 0

Temos desde o princípio a concepção de que para ser um fotografo precisamos de uma câmera de qualidade. Depois disso nos é falado que só uma câmera não basta, precisamos de um estúdio de iluminação. Muitas pessoas acabam nem tentando por não ter condições de arcar com esses equipamentos.

E se você soubesse que uma fotografa brasileira conseguiu chamar a atenção da editora de artes da revista americana Time? E também fotografar suas 12 capas de uma edição especial com um celular? Parece impossível, mas foi o que a fotografa Luisa Dörr fez.

Firsts3
Luisa Dörr: Time

O começo de tudo

Luisa Dörr vem de um pequeno vilarejo do interior do Rio Grande do Sul. Sua carreira começou em Design Gráfico, mas após 4 anos de curso viu que não era aquilo que amava fazer. Decidiu então trabalhar com a tia que possuía um estúdio onde seu interesse por fotografia começou. Com o tempo foi ganhando experiência e se mudou para fazer um curso de fotografia. A partir daí sua vida mudou.

Em 2014 começou a realmente viver de fotografia após se mudar para São Paulo. Cada vez mais trabalhos começaram a aparecer a levando a viagens para India e uma das mais importantes, para Nova York. Em 2016 a partir de um concurso conheceu a editora da Time. Foi com uma fotografia de seu Instagram que Kika, editora da Time, se familiarizou com o trabalho de Luisa. Detalhe, todas as fotos publicadas em seu Instagram foram tiradas com seu celular.

Foi nesse ano que Luisa foi convidada a participara desse projeto. Ela teria que fotografar 46 das mais importantes mulheres da atualidade e 12 capas para essa edição especial. Tudo somente com um Iphone.

 

mostra-sp-fotografia-2019-luisa-dorr
Luisa Dörr: fotografia

A fotografia com um celular

A partir do momento que se teve conhecimento que uma edição tão especial como essa seria fotografada com um celular houve um grande tumulto. Muitos também achavam uma injustiça uma fotografa “aleatória” ter sido escolhida assim. Mas isso não intimidou Luisa, só a incentivou a mostrar que “o que faz a foto não é o equipamento, mas o fotografo.” E podemos ver pelos resultados incríveis que ela estava certíssima.

luisa-dorr-oprah-behind-scenes-time5

 

Vale conferir o trabalho incrível de Luisa Dör, com o celular, em seu Instagram. E se você ainda hesita em começar na fotografia por não poder comprar os equipamentos, que tal pegar seu celular e dar uma chance?

Firsts7

 

 

Compartilhar

Foco nas fotografias mais importantes da história!

postado em: Artigos | 0

As fotografias desde sua descoberta até os dias de hoje fazem um enorme papel em nossa sociedade. É uma das formas mais interessantes e realistas ( pelo menos hoje em dia) de se documentar um evento. Seja uma nova descoberta ou o retrato de um famoso inventor ela nos ajuda a visualizar acontecimentos passados e relembra-los com mais nitidez. Mas como ela foi criada e com qual propósito? E como foram documentadas as primeiras fotografias da história? A seguir teremos desde  sua criação até cada primeira vez fotografada em nossa história:

 

De forma bem resumida podemos dizer que a fotografia nada mais é do que a captura da imagem através da luz, sua nomenclatura inclusive vem do grego “desenhar com a luz”. A invenção da máquina fotográfica se deu a partir agrupamento de diversos processos. E em 1826 resultou na primeira fotografia tirada da janela de Joseph Nicéphore Niépce na França:

 

 

A primeira fotografia colorida

A primeira fotografia colorida veio através de um experimento com o equivalente da época para filtros. Em 1861 James Clark teve a brilhante idéia de ao fotografar utilizar filtros de diferentes cores primárias, para cada cor uma foto. E ao projetar as imagens em uma superfície foi utilizado novamente os filtros de cada cor correspondente. Com as três imagens ao final alinhadas James obteve a imagem abaixo, a primeira fotografia colorida.

iPhotoChannel2Tartan_Ribbon-2

 

A primeira fotografia de uma pessoa

Hoje em dia temos máquinas fotográficas com tempo de exposição cada vez menor. Agora, em 1838 era necessário incríveis 10 minutos de exposição para sua foto. Por isso todas as fotografias, que já não eram muitas, de ruas estavam sempre estranhamente vazias. Como todas as pessoas e veículos estavam sempre em movimento não eram capturados. Somente em 1838 que Louis Daguerre ao registrar a vista de sua janela conseguiu primeiro registro de um ser humano em foto.

iPhotoChannel5Human-2

 

 

A primeira “selfie”

Hoje em dia qualquer pessoa que possua uma rede social terá lá, na maioria das vezes, um selfie. Simplesmente pegar seu celular, acionar a câmera e pronto! Sua selfie. Mas como vimos acima a vários anos atras fotografar era realmente um experimento, o que foi também o caso da primeira selfie. Robert Cornellius quando tirou sua selfie estava simplesmente fazendo um experimento com uma nova técnica. Utilizando prata em uma placa de cobre, configurou sua câmera e tirou simplesmente a primeira auto fotografia que se tem registro na história.

 

iPhotoChannel6-firstportrait-2

 

A partir daí a fotografia foi se tornando cada vez mais popular e acessível. Durante seus primeiros anos se tratava praticamente de um experimento científico de várias etapas e extremamente caro. Foi apenas em 1888 que a câmera se popularizou como um produto. Como os vários avanços tecnológicos se tornou mais barato para fabricação e logo começou a ser comercializado por marcas como Kodak com o discurso que todos poderiam ter uma câmera.

Apesar de hoje em dia não precisarmos necessariamente de câmeras (olá smartphones!) para termos nossas fotos não tem como negar que a qualidade de uma câmera fotográfica é algo que nenhum celular conseguiu superar. Pelo menos até hoje.

Compartilhar

Fotografia analógica: descubra esse novo (velho) mundo

postado em: Artigos | 0

A fotografia analógica vem novamente ganhando seu espaço de volta nas graças dos fotógrafos. Utilizando uma câmera analógica você deve se ater a muitos mais detalhes já que você não teria tanta oportunidade de “errar”.

Planejamento é a chave

Você tem o cenário pronto, seu equipamento está colocado e seu modelo(a), pega a sua câmera, tira sua foto, mas não gostou do resultado. Tudo bem porque você pode tirar outros milhares sem problema algum. Mas na fotografia analógica cada clique conta, pois você está usando um filme com um número limitado de exposições. A qualidade da foto acaba aprimorada porquê você tem que pensar muita mais antes de dar o que clique.

Michele Iacobini

Fotometrar a moda antiga

Aqui novamente a gente usa da comodidade de se a fotometria deu errado é só tirar outra foto. Ou até pensa “ depois eu vou no lightroom e arrumo”. O mesmo não acontece no analógico. Com uma câmera analógica você precisa pré-definir todos os valores de sombras e altas luzes ou não vai conseguir a fotografia como queria.

Cores diferenciadas

Não há nada como as tonalidades proporcionadas pelos filmes fotográficos. O mundo digital ainda não foi capaz de alcançar os mesmos resultados de cores do analógico. Mesmo com programas de edição chegando prometendo chegar nesses resultados você nunca chegara perto da imagem proporcionada pelos filmes analógicos. Cada câmera e cada filme, principalmente os filmes, alteram as cores.

old-3480569_640

Como fotometrar na fotografia analógica

Quando o obturador abre para a luz fazer a foto, as áreas de altas luzes se saturam e param de armazenar luz rapidamente. O contrário acontece nas áreas de sombra. Elas continuam registrando a luz até se saturarem também. Quando pensamos fotometria para filme, sempre pensamos em termos de contraste. Ao superexpor temos mais informação nas sombras e menos contraste. Ao superexpor temos mais contraste e menos informação nas sombras.

analog-1730925_640

 

A fotografia analógica te ajuda a criar uma apreciação maior pela arte da fotografia, a aprimorar seu olhar técnico e sua suficiência. Sem falar que se você não quer uma compra definitiva mas ficou curioso existem as câmeras descartáveis, assim você tem um gostinho desse universo fantástico.

voigtlander-1684892_640

Compartilhar
1 2 3 4 48